Instituto Brasileiro de Museus

Museu da Inconfidência

Museu recebe pesquisadores de SP e MG

publicado: 19/11/2019 10h52, última modificação: 11/08/2020 23h31
O pesquisador da FAPESP tem acesso à trena para obtenção de maiores dados do objeto (Foto: MDINC/divulgação)

Nesta segunda-feira (18/11), o pesquisador Francisco Dias teve acesso a duas peças do acervo do Inconfidência para estudos de seu curso de pós-doutorado, que vem sendo realizado no Museu Paulista da USP. Ele pesquisou in loco, o demarcador de sesmaria da Câmara Municipal de Vila Rica, que antes da reformulação da exposição em 2006, ficava no pátio interno do museu, e a partir de então, passou a ser exposta na Sala Origens. A outra peça do acervo do MDINC selecionada foi uma trena do século XVIII, que foi retirada da vitrine da Sala Construção Civil.

Os alunos Matheus e Lila, do Curso de Museologia da UFOP, registram dados sobre a coleção exposta na Sala Mobiliário I (Foto: MDINC/divulgação)

No mesmo dia, os alunos do Curso de Museologia da Universidade Federal de Ouro Preto foram recepcionados para visita técnica por uma das museólogas responsáveis pela exposição de longa duração, Janine Ojeda, no intuito de obter maiores informações acerca da coleção museológica exposta na Sala Mobiliário I, no segundo piso, bem como dados sobre as condições ambientais e de segurança do museu.